jump to navigation

Adolescente de 30… 4 outubro, 2009

Posted by Mônica Góes in Meus Escritos.
Tags: , , , ,
add a comment

Parece ridículo. Ou será de fato ridículo?

Um mulher de 30 anos que entra no escritório buscando uma voz. E que quando encontra, alegra-se. E muda até de comportamento. Na verdade ela mudou desde que levantou e pensou em que roupa, sapato, maquiagem deveria usar. Não para ela, óbvio.

Você me faz bem
Quando chega perto
Com esse seu sorriso incerto
Muda o meu olhar
Meu jeito de falar
Junto de você fica tudo bem, tudo certo

E procura o que dizer. Motivo para puxar um assunto. O que muda de fato de quando uma mulher de 30 se comporta como se 15 tivesse, é que os bilhetes se tranforma em SMSs. E as cartas em papel de carta perfumado no momento são e-mails velozes. Mas continuam ansiosos, muitas vezes sem nexo e seguidos daquele arrependimento do “pra que droga eu fiz isso?”.

Calma, tenha calma
Minha previsão do tempo
Diz que hoje não vai chover
Alma, minha alma
Voa leve pelo vento
E me leva até você

E quando uma adolescente passa propositalmente (sem ter absolutamente nada para fazer ali) na porta da casa de alguém? Ou, quando de fato precisa passar, retarda o passo na esperança de que esse alguém surja de repente. E quando surge, acelera o coração e faz de conta que não viu? O que muda na adolescente de 30 é que para facilitar estas ações ela estaciona o carro num local estratégico. (Podre! :D)

Sei, eu sei que vejo mais do que eu deveria
Mas é que eu sou mesmo assim
Sinto, eu sinto tanto a sua falta todo dia
Volta e traz você pra mim

Por fim, em comum, ela pergunta a Deus se não está enlouquecendo, se aquilo faz sentido. Mas por via das dúvidas pede por ele. Não por Ele… por ele. Se é que me entende.

Quem mandou você passar pelo meu caminho
Quantas vezes eu vou ter que repetir
Quantas vezes ?

Tudo Certo… 1 outubro, 2009

Posted by Mônica Góes in Música.
Tags: , , ,
add a comment

Calma, tenha calma
Minha previsão do tempo
Diz que hoje não vai chover
Alma, minha alma
Voa leve pelo vento
E me leva até você

Você me faz bem
Quando chega perto
Com esse seu sorriso aberto
Muda o meu olhar
Meu jeito de falar
Junto de você fica tudo bem, tudo certo

Sei, eu sei que vejo mais do que eu deveria
Mas é que eu sou mesmo assim
Sinto, eu sinto tanto a sua falta todo dia
Volta e traz você pra mim
Quem mandou você passar pelo meu caminho
Quantas vezes eu vou ter que repetir
Quantas vezes ?

Você me faz bem
Quando chega perto
Com esse seu sorriso aberto
Muda o meu olhar
Meu jeito de falar
Junto de você fica tudo bem
Fica tudo certo

Você me faz bem
Quando chega perto
Com esse seu sorriso incerto
Muda o seu olhar
Seu jeito de falar
Junto de você fica tudo bem
Fica tudo certo

Sensações adormecidas… 26 setembro, 2009

Posted by Mônica Góes in Meus Escritos, Vídeos.
Tags: , , , , , , ,
add a comment

A vida é uma coisa tão engraçada…

Meninas, garotas nos seus 08, 10, 15, quantos anos acharem que devem ter, sigam um conselho: registrem seus momentos. Façam um diário.

Que coisa piegas, babaca, velha e ultrapassada? Ok! Fazam um blog. Tenham seus posts púlicos e os seus privados. Aqueles que vocês relatam o que vocês sentem. Sua alma. Aquilo que você e somente você pode compreender, entender, aceitar e sentir. Sem críticas, sem julgamentos de ninguém de fora do seu “Infinito Particular” como diria Marisa Monte. Um lugar onde você possa dizer “Eis o melhor e o pior de mim”.

Graças a Deus eu não permiti que ninguém tivesse acesso nem destruísse (ou me fizesse destruir) os meus diários. Porque de ontem para hoje pude reviver uma coisa muito, muito, muito gostosa dos meus 13 para 14 anos. E o mais interessante… tem certas coisas que não mudam. Elas apenas ficam adormecidas por longos 17 anos. Bastam algumas ações, algum atos, algumas observações para que você se sinta novamente com 13 para 14 anos.

Meninas… façam diários. E guardem. Bem guardados. 🙂

E se a idéia é relembrar, vamos relembrar com estilo, com as minhas preferências daquela idade e com o que “está se passando por essa cabeça…”

Coisas que vem pra ficar

(Sampa Crew)

Um alguém que você conheceu
Um amigo pra chamar de seu
A vida vai mostrar
Tem coisas que vem pra ficar

Quanto tempo nessa vida
Você acha que precisa
Pra aprender que o tempo
Não te da chances
De tentar outra vez

É melhor a gente dar valor,
Dar carinho,
E demonstrar amor
Quando tem chance
Depois vai sentir que faz falta
E querer reviver.

Um alguém que você conheceu
Um amigo pra chamar de seu
A vida vai mostrar
Tem coisas que vem pra ficar (2x)

Esse é o seu momento
Reviva a cada instante
Quantas coisas você tenta fazer hoje
Que deveria, ter feito antes?
Porém antes tarde do que nunca
Ontem sol, hoje a chuva
Lavar a alma, me traz boas lembranças
Que seja essa a nossa herança,
Nunca perca a esperança.
O que vale é perseverar, lutar
E cada obstáculo, superar.

Quanto tempo nessa vida,
Você acha que precisa
Pra aprender a dizer
Muito obrigado, me desculpe, foi eu quem errei.
É melhor a gente dar valor,
Dar carinho,
E demonstrar amor
Quando tem chance
Depois vai sentir que faz falta
E querer reviver

Um alguém que você conheceu
Um amigo pra chamar de seu
A vida vai mostrar
Tem coisas que vem pra ficar (2x)

Como aquele beijo que você me deu
Antes de ir embora sem dizer Adeus
A vida vai mostrar
Tem coisas que vem pra ficar

Aquele abraço forte
Que você guardou
A vida logo passa
E você nem notou
A vida vai mostrar
Tem coisas que vem pra ficar

Aquele momento difícil que você passou
Também valeu a pena
Você superou
A vida vai mostrar
Tem coisas que vem pra ficar

Um alguém que você conheceu
Um amigo pra chamar de seu
A vida vai mostrar
Tem coisas que vem pra ficar (2x)