jump to navigation

Frustração… 16 julho, 2011

Posted by Mônica Góes in Estado de Espírito.
Tags: , ,
add a comment

Eu achei que nunca mais ia me decepcionar com alguém como me decepcionei nos últimos 10 dias… e hoje minha frustração chegou ao ápice.

Paciência… nem todo mundo é o que parece ser…

Por isso que sou sempre eu mesma: honesta, verdadeira e autêntica. Nem todo mundo gosta. Mas não engano ninguém.

Anúncios

A decepção da mulher de 30… 12 outubro, 2009

Posted by Mônica Góes in Comportamento, Meus Escritos.
Tags: , , , ,
2 comments

Bom… primeiro um comentário: Rapaz… é foda! Eu vou a falência até em Banco Imobiliário! 😀

Agora vamos ao que interessa.

Eu posso até me apaixonar como uma adolescente. Mas a decepção é de uma mulher voraz de 30. Estou entrando no meu inferno astral. Aqueles malditos 30 dias que antecedem o seu aniversário, sabe? Mas não vou atribuir ao coitado do fenômeno astrológico o caos da mina vida amorosa.

Resumo tudo a uma longa, porém única, pergunta: será que sou eu que me apresento de forma deturpada, será que estou muito exisgente ou, no final das contas, os homens estão (não posso afirmar tão seriamente que são) TODOS IGUAIS?

Boa Noite…

Ah! E feliz dia das crianças… em especial para os homens.

A Lei do Caminhão de Lixo 31 janeiro, 2009

Posted by Mônica Góes in Textos.
Tags: , , , ,
add a comment

Eu pensei em reclamar muito neste sábado a respeito do decorrer da minha semana. Não posso negar que os sentimentos a respeito ainda estão fervilhando dentro de mim. E que algumas bolhas sobem do fundo do caldeirão do meu coração e explodem na superfície com tanta força que poderiam provacar uma reação nuclear. Mas ao ler este texto notei que não há jeito para certas coisas. Tem que ser assim. É preciso ser assim…

Um dia peguei um taxi e fomos direto para o aeroporto. Estávamos rodando na faixa certa quando, de repente, um carro saltou de um estacionamento à nossa frente. O motorista do taxi pisou no freio, deslizou e escapou do outro carro por um triz!

O motorista do outro carro sacudiu a cabeça negativamente e começou a gritar, xingando-nos de tudo quanto era palavrão.

O motorista do taxi apenas sorriu e acenou para o cara. E eu quero dizer que ele o fez bastante amigavelmente.

Assim eu perguntei:

– ‘Porque você fez isto? Aquele irresponsável quase arruína o seu carro e nos manda para o hospital!’

Foi quando o motorista do taxi me ensinou o que ele chama de “A Lei do Caminhão de Lixo”.

Ele explicou que muitas pessoas são como caminhões de lixo. Andam por aí carregadas de lixo, cheias de frustrações, cheias de raiva e de desapontamento. À medida que suas pilhas de lixo crescem, elas precisam de um lugar para descarregar, e muitas vezes descarregam sobre nós. Não tome isso pessoalmente. Apenas sorria, mesmo que fingido, acene, e vá em frente.

Não pegue o lixo delas e muito menos o espalhe sobre outras pessoas no trabalho, em casa, ou nas ruas.

O princípio disso é que pessoas bem sucedidas não deixam os seus caminhões de lixo estragarem o seu dia. A vida é muito curta para levantar cedo de manhã com remorso assim. Ame as pessoas que te tratam bem e ignore aquelas que não o fazem. Você não precisa carregar o lixo dos outros.

A vida é 50% o que Deus lhe oferece e 50% o que você faz dela.

Tenha um bom dia, livre do lixo alheio!

(Autoria desconhecida)

Mais uma vez… 21 dezembro, 2008

Posted by Mônica Góes in Música, Vídeos.
Tags: , , , , , , , ,
add a comment

E depois de um tempo feliz fora do ar… 18 dezembro, 2008

Posted by Mônica Góes in Uncategorized.
Tags: , ,
add a comment

“Tudo o que é bom dura o tempo necessário para ser inesquecível” 😦