jump to navigation

Oração 31 maio, 2006

Posted by Mônica Góes in Espiritualidade.
trackback
O que é uma oração?

Isto varia da religião, doutrina, filosofia… a oração pode ter vários formatos, modelos, tipos ou não ter modelo algum… o que vale, para os que crêem, lógico, é a finalidade: entrar em contato com uma força maior, superior… chame de Deus, Jeová, Javé, Arquiteto do Universo, Cosmos… como quiser…

Para mim a prece é um diálogo… uma conversa com Deus, Pai Celestial… aquela conversa que você teria com seu(ua) melhor amigo(a)… aquela conversa onde você pede um cantinho reservado e conta todas as suas alegrias, suas dores… apesar de que aprendi rápido – apesar de às vezes recair no lapso – de que uma prece deve ter sempre a finalidade de agradecer, não de pedir, pois Deus, como pai amoroso, sabe sempre das nossas necessidades e conhece todas as nossas aflições.

Mas esta prece em especial me tocou… uma prece que recebi como tradução de uma oração Árabe… isso me reforça uma teoria que sempre lanço quando o assunto (polêmico) é religião e dogmas: Seja lá qual for o caminho, desde que leve ao bem, leva a Deus. Nós, humanos, nascemos possuindo na essência a concepção de certo e errado. A escolha é nossa.

Deus, não consintas que eu seja o carrasco que sangra as ovelhas, nem uma ovelha nas mãos dos algozes.
Ajuda-me a dizer sempre a verdade na presença dos fortes e jamais dizer mentiras para ganhar os aplausos dos fracos.

Meu Deus! Se me deres a fortuna, não me tire a felicidade; se me deres a força, não me tires a sensatez; se me for dado prosperar, não permita que eu perca a modéstia, conservando apenas o orgulho da diginidade.

Ajuda-me a apreciar o outro lado das coisas, para não enxergar a traição dos adversários, nem acusá-los com maior severidade do que a mim mesmo.

Não me deixes ser atingido pela ilusão da glória quando bem sucedido e nem desesperado quando sentir o insucesso.
Lembra-me que a experiência de um fracasso poderá propocionar um progresso maior.

Ó Deus! Faze-me sentir que o perdão é o maior índice da força e que a vingança é prova de fraqueza.

Se me tirares a fortuna, deixe-me a esperança.
Se me faltar a beleza da saúde, conforta-me com a graça da fé.

E quando me ferir a ingratidão e a incompreensão dos meus semelhantes, cria em minha alma a força da desculpa e do perdão.

E finalmente Senhor, se eu Te esquecer te rogo, mesmo assim, nunca Te esqueças de mim!

Lindo, não? Eu achei…
Anúncios

Comentários»

1. lindimar - 1 junho, 2006

é muito linda realmente essa oração e ela veio no momento certo, leia muitas vezes e vc ira achar todas as respostas pra suas dores.
A frase que mais me chamou a atenção foi essa:lembra-me que a experiencia de um fracasso pode me proporcionar um progresso maior.
Devemos sempre ve os dois lados da moeda, e que é na crise que crecemos. beijos fica com deus muita paz. mae


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: