jump to navigation

Pós-Graduação Parte II – Estratégia Empresarial 24 maio, 2006

Posted by Mônica Góes in Sem categoria.
Tags:
trackback
Mais uma vez a Pós-Graduação… trazendo para a vida prática e pessoal, a vida empresarial. Muitos já devem ter visto este texto em algum lugar. Desconheço a autoria (quem souber me ajude).
“Você pode ter defeitos, viver ansioso e ficar irritado, mas não se esqueça de que sua vida é a maior empresa do mundo. Só você pode evitar que ela vá à falência. Há muitas pessoas que precisam, admiram e torcem por você.

Ser feliz não é ter um céu sem tempestades, caminhos sem acidentes, trabalhos sem fadigas, relacionamentos sem decepções.

Ser feliz não é apenas valorizar o sorriso, mas refletir sobre a tristeza.

Não é apenas comemorar o sucesso, mas aprender lições nos fracassos.

Não é apenas ter júbilo nos aplausos, mas encontrar alegria no anonimato.

Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver a vida, apesar de todos os desafios, incompreensões e períodos de crise.

Ser feliz não é uma fatalidade do destino, mas uma conquista de quem sabe viajar para dentro do seu próprio ser.

Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e se tornar um autor da própria história.

É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar um oásis no recôndito da sua alma.

É agradecer a cada manhã pelo milagre da vida.

Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos. É saber falar de si mesmo. É ter coragem para ouvir um “não”. É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta.

É beijar os filhos, curtir os pais e ter momentos poéticos com os amigos, mesmo que eles nos magoem.

Ser feliz é deixar viver as crianças livres, alegres e simples que mora dentro de cada um de nós.

É ter maturidade para falar “eu errei”.

É ter ousadia para dizer “me perdoe”.

É ter sensibilidade para expressar “eu preciso de você”.

É ter capacidade de dizer “eu te amo”.

Desejo que a vida se torne um canteiro de oportunidades para você ser feliz… E, quando você errar o caminho, recomece tudo de novo. Pois assim você será cada vez mais apaixonado pela vida. E descobrirá que… Ser feliz não é ter uma vida perfeita, mas usar as lágrimas para irrigar a tolerância. Usar as perdas para refinar a paciência. Usar as falhas para esculpir a serenidade. Usar os obstáculos para abrir as janelas da inteligência.

Jamais desista de si mesmo. Jamais desista de ser feliz!”

É divino quando olhamos uma lição por vários ângulos. Principalmente quando trazemos lições aparentemente genéricas para o recôndito do nosso ser. Tudo começou quando meu mestre (Aproveitando e agradecendo ao professor e Mestre Josias França – creio que ele nem imagina a que ponto seu lecionar chegou…) apresentou o conceito de VALORES

“Não pergunte em que princípios devemos acreditar. Pergunte em que princípios acreditamos de fato e defendemos com paixão”

(Collins & Porras – Feitas para Durar)

Tirando o gozado da autoria, este mestre defendeu que devemos acreditar e amar o que fazemos… senão… já era… Um teste fantástico, que postarei aqui amanhã com calma, para também privilegiar meus amigos com esta descoberta, mostrou quais são as prioridades da minha vida… e sabe o que percebi? Que minhas prioridades estão em total dissonância com tudo que estou “correndo atrás” hoje.

Em seguida, um vídeo: “Quem Mexeu no Meu Queijo?”. Acredito que 80% das pessoas que conheço devem ter lido este livro que ele nos apresentou em vídeo.

Se não leu, leia.

Eu li a dois anos atrás e achei que era um determinado personagem. Assisti o vídeo hoje e me vi em outro. E, apesar das dificuldades, fiquei feliz com o que vi… Tudo muda… as empresas mudam e você também! Hoje você pode ser o duende Hen… amanhã você pode ser o duende Haw… mas tudo, seja no âmbito pessoal profissional ou organizacional, tudo muda. E não adianta ficar “com a boca escancarada cheia de dentes esperando a morte chegar” como diria Raulzito. Temos que aplicar a técnica empregada pelo mestre Josias: TVN. Traduzindo, “Te Vira, Negão!”.

E assim, entre todas as lições de Estratégia Empresarial, enxerguei e resolvi traçar um planejamento estratégico para a maior empresa que existe no mundo:

EU!

“A melhor forma de prever o futuro é criá-lo”

(Peter Drucker)

Anúncios

Comentários»

1. Yuri Almeida - 25 maio, 2006

Saudações prima!!!
GOstei da filosofia empresarial, hehehe, bom texto.
Entendi o seu texto como uma resposta para aqueles problemas…

2. David - 27 maio, 2006

Ola Colega! vir que vc aprendeu mesmo a sobre Planejamento Estratégico. Meus Parabens!
David


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: